Só os fortes sobrevivem!

Buttons e Donuts


Usado em conjunto com Chocky Bars ou individualmente, aumenta a resistência a desgastes provocados pela corrosão dos serviços contínuos...


leia mais

APLICAÇÕes


about us
Máquinas de Dragagem


Para que as pás do seu maquinário não se desgastem com ação constante da colheta de minerais, a Wearparts recomenda o uso das Shocky Bars..


leia mais

Notícias

Novidades sobre a indústria da mneiração

Ação da Vale responde com alta no after-hours, ganhando forças no final

Publicado em 24/04/2013

Os ativos da Vale tiveram um início de after-hours mais forte, perdendo fôlego logo depois, esbarrando na baixa liquidez

SÃO PAULO - As ações preferenciais da Vale (VALE5) responderam bem no after-hours da BM&FBovespa, com alta que chegou a 1,56%, aos R$ 32,60. Isso ocorre depois da companhia mostrar lucro maior que o esperado por analistas: R$ 6,2 bilhões contra uma estimativa que corria na casa dos R$ 5,40 bilhões.

Esses ativos esbarram no fato de estarem em um ambiente de liquidez reduzida - e muitas vezes oscilou mais de R$ 0,10 entre uma ordem de compra e de venda. Embora o volume negociado pela companhia no after tenha sido impulsionado pelo resultado, este ainda é muito baixo, movimentando apenas R$ 13,99 milhões. A ação ganhou força, tanto em volume negociado, quanto em cotação - fechando bem próximo da máxima, com alta de 1,46%, aos R$ 32,57.

As ações ordinárias da mineradora (VALE3) movimentaram apenas R$ 30 mil, fazendo a alta atingir 1,25%, aos R$ 34,00. Os ADRs (American Depositary Receipts - equivalente à ações negociadas nos EUA) também tiveram ganhos: alta de 1,31%, aos US$ 16,97. Uma alta no after-hours reforça a sensação de que os papéis abrirão em alta na sessão seguinte. No Brasil, as ações estão limitadas a uma movimentação de no máximo 2% no after-hours.

voltar

 


Home | Quem Somos | Produtos | Aplicações | Notícias | Contato

Wearparts - Copyright © 2012 - Todos os direitos reservados